Ijuí/RS - Sexta-feira, 03 de Dezembro de 2021
Manchetes
Aumenta número de pedidos de Proagro junto a Emater municipal
Gerente regional anuncia liberação de espaços externos do Sesc à comunidade
Veículo furtado em Santa Rosa é recuperado pela PRE
Secretário de Governança do Estado conclama eleitores da região a participar da Consulta Popular
"Aqui me sinto bem", diz Márcio Goiano sobre retorno ao São Luiz
Natal na Unijuí acontece neste domingo
14º Salário para segurados do INSS vai para a CCJ da Câmara dos Deputados
Executivo buscará junto a ACI, doação da marca Expo Ijuí Fenadi
Projeto de padronização da Avenida 21 de Abril prevê retirada dos canteiros centrais
Com ou sem recursos da LIC, cidade estará iluminada dia 12, diz prefeito
Ijuí-RS
O tempo agora
23 de outubro de 2019

Zé Ricardo promete Inter ofensivo, mas sem mudanças radicais na forma de jogar

Zé Ricardo revelou na primeira entrevista coletiva como técnico do Inter que quer uma equipe ofensiva nos 11 jogos que irá comandar o time no clube no Campeonato Brasileiro. Apesar de garantir que não irá alterar profundamente a forma como o Colorado joga, o treinador promete recuperar a parte mental dos jogadores e fazer pequenas alterações para lutar pela vaga na Libertadores.

 

“Pela pontuação que queremos, temos que buscar pontos dentro e fora de casa. São seis jogos fora e cinco no Beira-Rio. Então, temos que ser um time agressivo, que queira vencer as partidas, mas, lógico, com muita organização. Às vezes, determinadas partidas necessitam mais cuidados em alguns setores ou um comportamento diferente, mas, de uma forma geral, vamos sempre buscar os gols”, destacou.

O profissional destacou ainda que, independente da formação tática que o time irá jogar, é preciso ser ofensivo para buscar o objetivo. “Precisamos ter um comportamento agressivo. Gostar de ficar com a bola. Porém, em alguns momentos, vamos ter que jogar de acordo com o nosso adversário. Atuar como a situação exige. Precisamos ser efetivos e ganhar jogos”, afirmou.

 

 

O presidente Marcelo Medeiros abriu a coletiva desejando sucesso ao treinador e, na sequência, o executivo Rodrigo Caetano falou sobre a escolha. Revelou que havia conversado com Zé Ricardo na última semana e que teria ficado esperando uma resposta, já que o técnico tinha planos de intercâmbio nos últimos meses do ano.

 

 

O profissional revelou que aceitou o convite, mesmo com um período curto de contrato, pela clareza que os dirigentes tiveram com ele durante a negociação, pelo desempenho demonstrado pelo time durante o ano e pelo grupo experiente e de qualidade. Zé ainda fez questão de destacar o excelente trabalho feito por Odair Hellmann no Inter.

 

 

“Não queremos nenhuma mudança de forma radical, o que tem um risco muito grande. Queremos aproveitar o que o Inter tem de bom, potencializar nossos atletas, que são de alto nível, para que possamos, lógico, com as particularidades do trabalho que vamos desenvolver, chegar na vaga para a Libertadores”, declarou.

Fonte: Correio Do Povo
voltar
© Copyright 2019