Ijuí/RS - Segunda-feira, 29 de Novembro de 2021
Manchetes
Trabalho prisional na Modulada é case de sucesso a ser implantado em outras casas prisionais gaúchas
Assinado o contrato para obra de pavimentação asfáltica em Coronel Barros
Cronograma de imunização contra a Covid segue na Estação Cultura
“Não podemos encerrar essa linda história que a Expo Ijuí Fenadi tem”, diz presidente da UETI
Quase metade das escolas estaduais da região não tem candidatos a diretor. Eleição ocorre a partir de amanhã
Bazar Solidário do Bom Pastor arrecadou quase R$ 50 mil
Pelo menos 2 mil estudantes das redes Estadual e Municipal estão realizando a prova do Saeb
Defesa das universidades comunitárias será bandeira de Busnello a partir de hoje na Câmara
Ômicrom no Brasil? Brasileiro vindo da África, testa positivo para Coronavirus
Brigada prende 2 por furto de veículo em Catuípe
Ijuí-RS
O tempo agora
1 de junho de 2020

Visões diferentes sobre cuidados com coronavírus são expostas em entrevistas na rádio Repórter

O Epidemiologista da Universidade Federal de Pelotas, Bernardo Horta, ouvido no Fatorama, falou sobre nova pesquisa com o intuito de conhecer a real propagação do coronavírus, trabalho que será desenvolvido em várias regiões do país, incluindo Ijuí, onde serão realizados mais 250 testes entre 4 e 6 de junho.

Segundo ele, o Rio Grande do Sul se encontra em uma situação relativamente tranquila, porém não deve relaxar nos cuidados e uso de equipamentos individuais. Disse ser contra a liberação total de atividades sem proteção, pois isso poderia colocar em risco a segurança.

As regiões norte e nordeste são as mais afetadas pela Covid-19, enquanto o Sul, experimenta certa tranquilidade devido a baixa circulação do vírus.

Por sua vez, o deputado federal Osmar Terra, fez críticas à quarentena, afirmando que pela experiência de vida e orientado pela ciência, a medida em questão é inútil e extremamente prejudicial, podendo quebrar o país. Segundo o parlamentar que também é medico, o H1N1 destrói os alvéolos provocando hemorragia no pulmão, diferente da Covid-19 que embora se propague mais rapidamente, não tem os mesmos efeitos no organismo.

Recordou que o H1N1 provocou 570 mil mortes no mundo, enquanto o coronavírus vitimou 300 mil pessoas até agora. Na província de Hubei, na China, onde tudo começou, o vírus foi bloqueado e o país não fechou.

Segue defendendo a abertura imediata das escolas, argumentando que as crianças se contaminam pouco em sala de aula e que quarentena é pra classe média. A recessão que está a caminho pode levar muito tempo para recuperar o Brasil, prevê Osmar Terra, acusando a televisão de exagerar nas informações e espalhar pânico entre a população.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019