Ijuí/RS - Sexta-feira, 03 de Dezembro de 2021
Manchetes
Aumenta número de pedidos de Proagro junto a Emater municipal
Gerente regional anuncia liberação de espaços externos do Sesc à comunidade
Veículo furtado em Santa Rosa é recuperado pela PRE
Secretário de Governança do Estado conclama eleitores da região a participar da Consulta Popular
"Aqui me sinto bem", diz Márcio Goiano sobre retorno ao São Luiz
Natal na Unijuí acontece neste domingo
14º Salário para segurados do INSS vai para a CCJ da Câmara dos Deputados
Executivo buscará junto a ACI, doação da marca Expo Ijuí Fenadi
Projeto de padronização da Avenida 21 de Abril prevê retirada dos canteiros centrais
Com ou sem recursos da LIC, cidade estará iluminada dia 12, diz prefeito
Ijuí-RS
O tempo agora
25 de novembro de 2021

Samu Salvar buscará ampliar estrutura de atendimento em 2022

Fotos: Samu Salvar – Ijuí

O Samu Salvar vai buscar qualificar o trabalho que vem sendo prestado àquelas pessoas que necessitam e acionam o serviço de salvamento. A ideia que está sendo projetada para 2022, conforme a coordenadora Carla Mello, é fazer com que o Samu possa dar todo o atendimento necessário ao paciente no local do chamado, sem a necessidade de deslocamento para o hospital. “O socorro, quando acionado, será uma espécie de hospital em cena, faremos tudo que for necessário pelo paciente no local de atendimento”, disse ao anunciar a busca no ano que vem por mais uma ambulância para suporte ao atendimento dentro do município.

A coordenadora falou ainda na potencialização do projeto “samuzinho”, voltado para o público infantil com orientações sobre cuidados necessários para evitar acidentes domésticos ou na escola. Sobre parcerias, lembrou a renovação de convênios com municípios da região e a parceria com a Secretaria de Educação de Ijuí no sentido da realização de capacitações sobre primeiros socorros para os servidores da educação municipal, como o ocorrido neste mês. “Queremos levar essa temática para dentro das escolas no ano que vem”, disse.

Carla Mello falou ainda sobre o trabalho do Samu Salvar em Ijuí e referiu uma queda no número de chamados em função da Covid-19. Apesar da queda, nos últimos dias, o serviço tem experimentado ligeiro aumento nos atendimentos à população e isso é atribuído, segundo ela, ao fato de que as pessoas não estão mais tão resguardadas da pandemia e também por que algumas pessoas ainda não se vacinaram.

Num rápido balanço feito no programa Fatorama, a coordenadora destacou que o Samu Salvar deverá fechar o ano com cerca de 2,6 mil atendimentos. Indagada, disse que os chamados são os mais diversos, porém os casos clínicos que envolvem pacientes com diabetes, surtos psicóticos, hipertensão, e cardiopatas ainda estão no topo da lista. “A demanda também é grande para os casos de Acidente Vascular Cerebral(AVC), lembrou.

Estes são casos atendidos e que superam o número de chamados para acidentes que, segundo Carla, também diminuíram nos últimos três meses em relação aos números registrados em junho e julho. “Atendíamos em torno de 50 acidentes por mês em Ijuí na metade do ano, e nos últimos meses este número caiu para 35, menor do que o registrado, mas ainda alto”, alertou.

“Nosso objetivo é garantir ao paciente suporte à vida e isso continuaremos fazendo no ano que vem com duas equipes que hoje contam com 30 servidores concursados, além de médicos contratados, divididos em seus turnos de trabalho para atender aos chamados da comunidade, quando houver necessidade”, frisou.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019