Ijuí/RS - Sexta-feira, 15 de Outubro de 2021
Manchetes
Muro construído ao lado do Ginásio Municipal será derrubado
Prefeito fala em investimentos para ações estruturais e diz que “parque de máquinas recebido por sua administração é uma vergonha”.
Lixão clandestino na região do Tomé de Souza indigna cidadão de Ijuí
Levantamento revela que mais de 500 crianças com até 6 anos ficaram órfãs no Estado devido a Covid-19
Guias do Trem das Missões passam por treinamento
Pró Audi realiza a Expo Audi oferecendo promoções para seus clientes
SMS dá sequência a aplicação da segunda dose da Astrazeneca e da Pfizer
Comissão de triagem divulga músicas selecionadas para o 10° Canto de Luz e 6° Lamparina
Mesa de Bar da Iguatemi FM volta ainda mais Espetacular
Educação Municipal: “Saímos de uma rede analógica para uma rede tecnológica”, diz secretário Cláudio Souza
Ijuí-RS
O tempo agora
15 de setembro de 2021

Presidente do São Luiz avalia primeiro ano de mandato e diz que objetivo “é deixar o Clube nos trilhos”

Por: Luiz Henrique Berguer

O dia 15 de setembro é especial para o presidente do Esporte Clube São Luiz. Há exatos 365, a nova diretoria assumiu o desafio de substituir a gestão que vinha sob o comando de Pedro Pittol.

Passado um ano à frente do clube, Lauro Hass avalia que até “não era essa a forma como gostaria de estar trabalhando”, se referindo às dificuldades financeiras. “Fizemos um pacto com atletas e comissão no último encontro e a expectativa de receita não aconteceu. Nunca negamos o compromisso e agora, depois de muita dificuldade, estamos juntando os valores”, explicou Hass, falando da premiação prometida ao grupo pela classificação ao Gauchão  e Série D em 2022. Salários e rescisões de contratos já estavam todos acertados, faltando apenas o chamado “bicho extra” pelos objetivos alcançados.

O presidente projeta para esta quinta ou no mais tardar a sexta-feira, o pagamento dessa parcela final devida a atletas e comissão. “Estamos conseguindo reunir os valores, não da forma como gostaríamos, mas com muito esforço, boa parte do valor foi obtido”.

Sobre o primeiro ano de mandato e tendo o mesmo período pela frente até a próxima eleição, Lauro Hass não demonstra nenhuma pretensão em seguir. Ou pelo menos, não está na sua agenda hoje o assunto. “Hoje não tenho nenhuma pretensão de concorrer à reeleição. Não sabemos o que vai acontecer em um ano. O presidente fala em “deixar o tempo correr e ver o que vai acontecer”. Mas tem clareza do que quer como o dirigente maior do clube. “O foco agora é fazer um bom Campeonato Gaúcho, formar um bom time, deixar tudo ajustado para ou seguir ou deixar para outra diretoria”. Hass deixa claro que “a responsabilidade assumida é de deixar as coisas nos trilhos. Não temos a mínima noção se iremos concorrer à reeleição”.

O Estádio 19 de Outubro está recebendo várias melhorias, a partir de um olhar aprofundado na estrutura física já visualizando o 2022.  Lauro Hass frisa como fundamental as parcerias construídas, garantindo as melhorias.

O gramado recebe atenção especial, com cuidados obrigatórios, segundo o presidente, preparando para 2022. Foram corrigidos, por exemplo, problemas de drenagem, solucionado a partir de um novos sistema de  escoamento nas laterais do gramado. O campo ainda receberá outras intervenções para deixá-lo em condições ideais para a abertura da temporada, no início de dezembro.

A velha casamata de concreto foi demolida, assim como o acesso pelo túnel. A entrada dos atletas em campo será por meio de um túnel retrátil, projeta o presidente.

Nada disso seria possível não fossem as parcerias, já que recursos são escassos nesse período”, frisa Lauro Hass. “Não há recursos para grandes melhorias, mas com todas as limitações, vamos preparando o Estádio, deixando a Baixada mais bonita para um 2022 com torcida”, se anima o dirigente.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019