Ijuí/RS - Quarta-feira, 23 de Junho de 2021
Manchetes
Ação integrada da Receita Estadual e PGE em Passo Fundo gera ingresso de R$ 58 milhões aos cofres públicos
Prisão de foragido por furto qualificado em residência em Ijuí
Coronel Barros faz terceira doação do ano ao HCI
Operação Alquimia é deflagrada em Ijuí contra organização criminosa que atua na falsificação, transporte e comercialização de agrotóxico
Boletim epidemiológico divulga mais dois óbitos em Ijuí
Comando da BM participou de Sessão da Câmara de Ijuí esclarecendo episódio ocorrido no início do mês
Problemas de iluminação pública seguem em Ijuí após administração municipal adquirir reatores e lâmpadas, mas produto que chegou era recondicionado
Aumenta em Ijuí e região o número de golpes de empréstimos consignados
Ao falar dos 86 do HCI, presidente da instituição afirma que situação do hospital está evoluindo com realização de auditorias
Maioria dos óbitos em Ijuí em junho está na faixa dos 50 aos 67 anos
Ijuí-RS
O tempo agora
30 de abril de 2021

Prefeitos da Amuplam decidem pela volta gradual das aulas

Em reunião dos prefeitos integrantes da Associação dos Municípios do Planalto Médio do Rio Grande do Sul, sobre a autorização do retorno às aulas presenciais, a decisão foi unânime de retorno às atividades escolares. “A educação nunca parou nos municípios através do Ensino Remoto e as Redes investiram em novos formatos tecnológicos e ferramentas que garantem o acesso à educação universal em sintonia com a legislação vigente”, destacou a Amuplam, em nota.

O retorno ficou acertado para o dia 17 de maio, com exceção de Ijuí e Panambi, que apresentaram calendários diferentes. Em Panambi, a volta às aulas nas escolas municipais já ocorreu ontem. Em Ijuí, o calendário prevê a volta gradual a partir do dia 5, com alunos dos 8º e 9º anos e Ensino Médio do Imeab e EJA no Ruy Ramos.
Dia 6, retornam em Ijuí os estudantes de 6º e 7º anos e no dia 7 os 4º e 5º anos. Já no dia 10 de maio, voltam os alunos de 1º, 2º e 3º anos do Ensino Fundamental. Dia 12, retornam Pré-escola (1 e 2) e Maternal (1 e 2)

A AMUPLAM anunciou também que enviará ofício ao Ministério da saúde solicitando que os professores e trabalhadores da educação sejam imunizados como grupo prioritário e priorização destes, quanto da chegada de imunizantes através do CISA.

O retorno presencial será através de Formato híbrido, com a aprovação dos Conselhos Escolares Municipais e cumprindo todos os protocolos sanitários. Nas Séries finais até a Educação infantil serão três hora no turno, devido a necessidade de higienização.
Para acompanhamento, a AMUPLAM constituirá um fórum permanente de monitoramento pedagógico, escolar e sanitário. Os municípios farão a aquisição de todos os EPIs necessários á segurança de todos os profissionais de educação;

Conforme decidido na reunião da Associação dos Municípios, os prefeitos avaliarão o contexto sanitário diariamente, pois, ocorrem ainda, muitos casos de contaminação e óbitos e ainda há insegurança jurídica latente e não existem condições sanitárias ideais para retorno presencial imediato. Os municípios também aguardam o formato do novo Plano Estadual de Distanciamento Controlado anunciado para o dia 10 de maio.

Panambi – Após o novo decreto estadual, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura – SMEC de Panambi definiu o cronograma de retorno, iniciando com oferta de aulas presenciais na Educação Infantil para crianças de 4 e 5 anos de idade, e Ensino Fundamental com alunos dos 1º e 2º anos. Na quinta-feira, essas turmas começaram a retornar.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019