Ijuí/RS - Sexta-feira, 12 de Agosto de 2022
Manchetes
Preço do Diesel cai 4% nas distribuidoras a partir desta sexta-feira
Redução das alíquotas de ICMS vai gerar rombo de R$ 7,7 milhões no caixa municipal
Números mostram que mulheres tem denunciado mais crimes de violência na DEAM de Ijuí
Prefeito em exercício vistoria obras em Coronel Barros
Rádio Repórter é a emissora mais ouvida - aponta pesquisa da Pódium
PREVIJUI está realizando prova de vida para servidores aposentados
Baile da Prenda Jovem ocorre neste sábado no CTG Clube Farroupilha
Lançado o programa Protagonismo Juvenil em Ijuí
Lâmpadas de LED começam a ser instaladas em Ijuí
Preso homem suspeito de tentar matar a companheira a facadas em Ijuí
Ijuí-RS
O tempo agora
22 de fevereiro de 2021

Prefeito de Ijuí mantem bandeira vermelha e aumenta medidas de restrição a partir desta terça-feira. “Não decretar a vermelha pode significar caminho para a preta”, diz secretário da Saúde

“Precisamos dar uma resposta para o cidadão de bem, que irá entender nossa decisão”, disse o prefeito Andrei Cossetin, ao se posicionar em reunião de quase 3 horas de duração no início da noite desta segunda-feira. Foram chamados ao gabinete os secretários da Educação e da Saúde, Vigilância Sanitária, Jurídico e o vice-prefeito Marcos Barriquello.

A decisão envolve a permanência de Ijuí na bandeira vermelha, não sendo utilizado o sistema de cogestão mantido pelo governo do estado.

Com a permanência na bandeira vermelha, medidas mais restritivas devem ser adotadas já a partir desta terça-feira.
A decisão se deve muito em função dos números de atendimentos nos últimos dias, muito acima do que vinha sendo verificado. Entre o sábado e o domingo, houve mais atendimentos que durante toda a semana passada inteira, disse o prefeito Andrei Cossetin, em entrevista na Repórter. Ao longo da semana passada, foram 150 atendimentos, e somente no fim de semana passou de 360 consultas, revelou o prefeito. “Os casos estão aumentando muito; Ijuí não é uma ilha”, disse Andrei, ao pedir para a população se cuidar e se preservar dos riscos da doença, ao falar “demanda gigantesca”. Andrei Cossetin, na entrevista para a Repórter, se dirigiu aos empresários, pedindo compreensão e apoio.

 

“Não decretar a vermelha, pode significar o caminho para a preta”, afirmou na reunião o secretário da Saúde

Ao analisar a alta procura no Centro de Triagem, Márcio Strassburger projeta que pelo menos até quinta-feira os atendimentos estarão nesse patamar, que é o mais alto desde o início da pandemia. A segunda-feira bateu o recorde desde a abertura do Centro de Triagem(CT) no Ginásio Wilson Mânica, em abril do ano passado.
Por outro lado, informou que “o número de profissionais atuando no CT neste início de semana superou as equipes que atuavam no Ginásio.

 

REINCIDENTES – Equipes da Vigilância confirmaram que os maiores problemas são os bares, quadras de futebol e lojas de conveniência. Também foram citados na reunião, igrejas em bairros, com fiscais sofrendo seguidas ameaças.

Presentes na reunião concluíram que a falta de conscientização é o maior problema. Relatos sobre os atendimentos nos últimos dias revelam que maioria mora com jovens, que “saem para festa e trazem o vírus para pais e familiares mais velhos”, disse um dos participantes da reunião com o prefeito.

 

Em relação às quadras esportivas, o relato dos fiscais é de que “o pessoal joga e fica bebendo”.
Na sexta-feira, o movimento em quadras saiu do controle. Segundo Ortiz Schröer Júnior, coordenador da Vigilância em Saúde foi o dia de maior aglomeração desde o início dos trabalhos de fiscalização.

Com a manutenção da bandeira vermelha, já a partir desta terça-feira estão suspensas atividades esportivas em quadras e atividades em igrejas. Outras medidas mais restritivas devem ser anunciadas ainda nesta terça.
Ações severas serão adotadas, principalmente para reincidentes, já que segundo Júnior, “são sempre os mesmos”. A lista contem pelo menos 12 estabelecimentos conhecidos por desobedecer as regras neste período de pandemia, incluindo também bares, postos e restaurantes.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019