Ijuí/RS - Sábado, 28 de Maio de 2022
Manchetes
São Luiz busca primeira vitória fora de casa na Série D neste sábado
Polícia Civil deflagra operação de combate a violência contra a Mulher
Capitão Stivanin avalia início do trabalho em Ijuí
SMMA inicia amanhã as ações que marcam o mês do meio ambiente
Campanha do agasalho segue em Ijuí com mais uma ação em praça pública
Chuva faz aumentar em 300% número de chamados para reparos em estradas do interior
Secretário Cláudio Souza assume presidência do Conseme
HCI atuará em benefício dos servidores da BM e da Modulada
Audiência virtual do TJ-RS é interrompida após homem aparecer sentado nu em vaso sanitário
BM cumpriu mandado de prisão no bairro São Paulo
Ijuí-RS
O tempo agora
30 de junho de 2020

Prazo para entregar o Imposto de Renda sem multa termina nesta terça-feira

Os contribuintes brasileiros que ainda não entregaram o Imposto de Renda 2020 têm apenas até às 23h59 desta terça-feira, 30, para transmitir o documento para a base de dados da Receita Federal sem ficar sujeito ao pagamento de multa. A Receita Federal afirma que recebeu 28.384.808 declarações até as 21h desta segunda-feira, 29. A expectativa do Fisco é de que 32 milhões de contribuintes realizem a transmissão até o fim do prazo. Nos últimos anos, o volume de entrega tem superado às expectativas do Fisco.

 

Quem perder o prazo de entrega da declaração só poderá enviar o documento atrasado a partir da próxima quinta-feira (2) e fica sujeito ao pagamento de uma multa que varia de R$ 165,74 a 20% do valor do imposto devido. A apresentação da declaração é obrigatória para todos os brasileiros que tiveram rendimentos tributáveis, tais como salários, aposentadoria e alugueis, superiores a R$ 28.559,70 ao longo de 2019.

 

Para os que deixaram a entrega para a última hora, contadores e auditores da Receita Federal orientam para a transmissão da declaração incompleta para evitar o pagamento da multa. A decisão, no entanto, requer o envio de uma retificação para incluir as pendências. A mesma recomendação vale a quem não conseguiu todos os documentos necessário para o preenchimento da declaração.

 

Vale lembrar que neste ano os contribuintes tiveram 60 dias a mais para entregar a declaração em comparação com 2019. De acordo com o Fisco, o prazo foi ampliado devido à pandemia do novo coronavírus, que fechou as portas de diversos estabelecimentos e escritórios, o que poderia prejudicar o recebimento de informações.

Fonte: Rádio Repórter - Correio do Povo
voltar
© Copyright 2019