Ijuí/RS - Sábado, 28 de Maio de 2022
Manchetes
São Luiz busca primeira vitória fora de casa na Série D neste sábado
Polícia Civil deflagra operação de combate a violência contra a Mulher
Capitão Stivanin avalia início do trabalho em Ijuí
SMMA inicia amanhã as ações que marcam o mês do meio ambiente
Campanha do agasalho segue em Ijuí com mais uma ação em praça pública
Chuva faz aumentar em 300% número de chamados para reparos em estradas do interior
Secretário Cláudio Souza assume presidência do Conseme
HCI atuará em benefício dos servidores da BM e da Modulada
Audiência virtual do TJ-RS é interrompida após homem aparecer sentado nu em vaso sanitário
BM cumpriu mandado de prisão no bairro São Paulo
Ijuí-RS
O tempo agora
3 de janeiro de 2022

Oficial da BM avalia como tranquilo o final de ano em Ijuí

O final de 2021 foi considerado um dos mais tranquilos dos últimos anos, sem registro de crimes de violência, repetindo-se eventos denominados de perturbação de sossego, musica alta e motocicletas com excesso de ruido, problema recorrente nas noites e madrugadas de ljuí.

Quanto aos fogos na virada do ano, houve uma redução considerável, prova de que o comportamento das pessoas está mudando, comentou o capitão Gilmar Bischoff no Fatorama, reiterando que a fiscalização e aplicação de sanções é atribuição do município.

A corporação se valeu do mesmo planejamento de outros anos, conseguindo controlar os níveis de criminalidade em patamares reduzidos, disse o capitão que é o comandante de policiamento ostensivo da Brigada Militar.

Como principais ações de 2021, destaque para a grande quantidade de drogas
apreendidas, armas e prisões efetuadas, além da fiscalização de veículos e de
condutores.

Para este ano, a projeção é de mais trabalho, com a volta de torcedores aos estádios e
eleições gerais, sem contar que há policiais deslocados para a Operação Golfinho.

O efetivo da Brigada Militar experimenta por muito tempo uma queda efetiva, devido às
aposentadorias ou mesmo opção por outras profissões, sem que haja reposição,
concluiu capitão Gilmar Bischoff

 

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019