Ijuí/RS - Segunda-feira, 29 de Novembro de 2021
Manchetes
Trabalho prisional na Modulada é case de sucesso a ser implantado em outras casas prisionais gaúchas
Assinado o contrato para obra de pavimentação asfáltica em Coronel Barros
Cronograma de imunização contra a Covid segue na Estação Cultura
“Não podemos encerrar essa linda história que a Expo Ijuí Fenadi tem”, diz presidente da UETI
Quase metade das escolas estaduais da região não tem candidatos a diretor. Eleição ocorre a partir de amanhã
Bazar Solidário do Bom Pastor arrecadou quase R$ 50 mil
Pelo menos 2 mil estudantes das redes Estadual e Municipal estão realizando a prova do Saeb
Defesa das universidades comunitárias será bandeira de Busnello a partir de hoje na Câmara
Ômicrom no Brasil? Brasileiro vindo da África, testa positivo para Coronavirus
Brigada prende 2 por furto de veículo em Catuípe
Ijuí-RS
O tempo agora
18 de outubro de 2021

Morre Fogão, ex roupeiro do São Luiz do time de 1991

David Vargas, o Fogão, ex roupeiro do São Luiz no início da volta do Rubro nos anos 1980, faleceu hoje em Vacaria. Segundo informações preliminares, ele foi encontrado morto no Hotel onde morava em Vacaria. Teria sofrido um mal súbito. Ele havia se transferido recentemente para o Glória, depois de trabalhar no Hercílio Luz, de Tubarão, até o mês de agosto.

A notícia comove ex atletas que conviveram em dezenas de clubes por onde passou o competente e caprichoso mordomo, eleito o melhor roupeiro de Santa Catarina em 2018.

Em mais de 30 anos de profissão, trabalhou em vários clubes como Avenida, 15 de Novembro, Brasil de Farroupilha, Sapucaiense, Pratense, União Frederiquense, Cerâmica e Marcílio Dias.

falando com a Repórter, o presidente do Glória de Vacaria lamentou o ocorrido. “Ele foi muito querido conosco”, disse Décio Camargo. Contou que Davi enfrentava problemas de saúde, com o diabetes elevado. Foi encontrado hoje no banheiro do clube, pelo supervisor Edu. Ainda com vida, foi levado ao Hospital, onde faleceu. O corpo de Fogão será levado para São Leopoldo. O presidente do Glória disse que o clube fez todos os encaminhamentos para a liberação do corpo. O irmão e a ex mulher de Davi foram a Vacaria.

No São Luiz, chegou em 1986 e aqui ficou mais alguns anos, inclusive sendo o roupeiro do inesquecível time de 1991, treinado por Cassiá.
As mensagens em grupos de whats app de ex atletas do São Luiz lembram com carinho de Fogão, o companheirismo e a amizade do ex colega, que estava convidado para o encontro programado para dezembro, no Estádio 19 de Outubro, quando seria homenageado.

Davi havia completado 52 anos em 26 de setembro. Fazia com frequência postagens no facebook, sempre com o chimarrão, desejando aos amigos um bom dia trabalho e sempre com uma mensagem de otimismo.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019