Ijuí/RS - Segunda-feira, 24 de Janeiro de 2022
Manchetes
Incêndio é registrado no aterro sanitário
Congresso Nacional retoma atividades dia 1º e Pompeo diz que foco será aprovação do 14º dos aposentados e pensionistas
Ijuí já passa de 1,5 mil casos de Covid-19. Jovens entre 20 e 39 anos são os mais infectados
Multa de R$ 5 mil: SMMA já sabe quem descartou clandestinamente lixo em via que recém havia sido limpa por servidores da prefeitura
São Luiz anuncia contratação de mais um lateral esquerdo
Mesmo com atendimentos em queda no final de semana, número de infectados com Covid só aumenta em Ijuí
CNH do RS é a mais cara da região Sul do País
Prefeito de Nova Ramada está em Porto Alegre para assinar convênio de acesso asfáltico
Prefeito Andrei Cossetin está de férias
Bozano é contemplado com recursos do Programa Ilumina RS
Ijuí-RS
O tempo agora
2 de agosto de 2020

Facebook bloqueia no mundo todo contas investigadas por fake news

O Facebook publicou uma nota neste sábado (1º) informado que cumpriu a determinação do ministro do STF Alexandre de Moraes e bloqueou as contas investigadas no inquérito das Fake News. Inicialmente, a rede social de Mark Zuckerberg deveria impedir o uso dos perfis no Brasil. No entanto, a restrição foi ampliada para o mundo todo quando contas passaram a ser usadas a partir de outros países.

 

A empresa argumentou que havia cumprido com a ordem de bloquear as contas no Brasil ao restringir a visualização das páginas e perfis a partir de endereços IP no país. Segundo o Facebook, isso impediria usuários brasileiros de acessar os conteúdos das contas que foram alvos da ordem judicial, mesmo que localização fosse alterada. “A mais recente ordem judicial é extrema, representando riscos à liberdade de expressão fora da jurisdição brasileira e em conflito com leis e jurisdições ao redor do mundo” disse o Facebook em nota.

 

Após a empresa se negar a cumprir essa decisão, o ministro intimou o presidente do Facebook no Brasil. “Devido à ameaça de responsabilização criminal de um funcionário do Facebook Brasil, não tivemos alternativa a não ser cumprir com a ordem de bloqueio global das contas enquanto recorremos ao STF”, concluiu a empresa.

Fonte: Rádio Repórter - R7
voltar
© Copyright 2019