Ijuí/RS - Sexta-feira, 24 de Setembro de 2021
Manchetes
Secretários de educação da AMUPLAM se encontraram em Condor
Deputado Jerônimo Goergen deixará a Política
Homem com teste positivo para Coronavírus incorre em crime após descumprir isolamento
Panambi segue vacinação nesta sexta-feira contra covid-19
Prefeitura de Ijuí alerta a população sobre obras de esgotamento sanitário
Parecer do Cremers já embasou cerca de 384 decisões judiciais sobre pedidos de liberdade de presos por covid-19
Escola Miguel Burnier tem projeto em andamento para construção de mobiliário especial.
Serviço terceirizado: Corsan fará atualização de cadastro de seus usuários em Ijuí
De Cruz Alta para o Paraná: Dom Adelar Baruffi é nomeado Arcebispo de Cascavel
PRF apreende veículo com mais de 15 mil maços de cigarros em Cruz Alta
Ijuí-RS
O tempo agora
18 de agosto de 2021

Equipes de UTI do HCI recebem treinamento para cuidados na saúde oral dos pacientes

O risco de infecção respiratória diminui quando pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) recebem cuidados de um cirurgião-dentista. A boca, como um reservatório natural de bactérias por suas características de temperatura, umidade, pH e nutrientes, é um ambiente que deve ser controlado. Esses microrganismos, se aspirados, podem causar pneumonia ao encontrar secreções nos pulmões, e as infecções respiratórias associadas à ventilação mecânica estão entre os principais agravos nesses pacientes. Estudos estimam que o risco de pneumonia seja entre seis e 21 vezes maior.

Com objetivo de reduzir esses riscos e qualificar o serviço prestado, o Hospital de Caridade de Ijuí (HCI) promoveu um treinamento em Saúde Oral nas UTIs, ministrado pela cirurgiã-dentista, Tassiane Vione Deboni, direcionado às equipes de Enfermagem, responsáveis pela higienização bucal destes pacientes. A atividade faz parte do Protocolo Padrão de Higiene Bucal, que deve ser instituído em todas as UTIs, já implantado no HCI desde 2017, com base nos protocolos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“É realizado para o controle de pneumonia associada à ventilação mecânica (PAV), sendo necessário a correta higienização bucal dos pacientes internados em UTI. Quem faz essa higienização são os técnicos, com orientação do cirurgião-dentista”, explica Tassiane. “Há um protocolo para que isso seja feito.

Estudos mostram as regras que devem ser seguidas para o controle. Mantendo a cavidade bucal higienizada conseguimos reduzir os índices de infecção da PAV. Um cirurgião-dentista dentro de uma UTI é de suma importância para o Hospital, porque controlando a PAV, conseguimos diminuir o uso de medicamentos, o tempo de internação do paciente dentro da Unidade e, consequentemente, reduz-se os custos para a instituição.”

Fonte: Assessoria de Imprensa do HCI
voltar
© Copyright 2019