Ijuí/RS - Terça-feira, 05 de Julho de 2022
Manchetes
Prefeitos da região vão a Brasília pela compensação de valores devido a redução de impostos promovida pelo governo Federal
CNM aponta impacto imediato nas receitas municipais de R$ 73 milhões devido a redução do ICMS
Programa em parceria com a prefeitura busca selecionar famílias para receber crianças em suas casas
Óbito de número 300 por Covid-19 foi registrado em Ijuí
Daniel Franco deixa o comando técnico do São Luiz
8° Edição da Expocelb é lançada em Coronel Barros
Novos ritos na Seplan aceleram processos em prol do desenvolvimento
PC apreende 4kg de Cocaína e 1kg de Crack durante abordagem a veículo
Inadimplência de consumidores do Demei ultrapassa R$ 12 milhões
Municipal de Futsal conhece seus campeões
Ijuí-RS
O tempo agora
13 de março de 2022

Desclassificado no gauchão, São Luiz volta atenções para a Série D

Não há tempo para lamentações, o São Luiz precisa planejar sua participação na Série D do campeonato brasileiro, competição que começa no dia 17 de Abril. Assim pensam integrantes da diretoria do rubro que ontem(12) após a derrota para o Aimoré em São Leopoldo por 1×0 com o gol de Sassa aos 47 minutos do segundo tempo, já deram inicio as ações para preparar o rubro que buscará acesso a Série C nacional a partir do mês que vem.

Como o grupo de atletas tem contrato firmado com o rubro até o final do mês de março, nesta semana a diretoria inicia tratativas para desvincular alguns jogadores e manter outros, que devido ao desempenho no gauchão deverão ficar no grupo. Na Série D, o São Luiz deverá estrear fora de casa em 17 de Abril contra a Juventus de Santa Catarina. Ontem na coletiva de imprensa o técnico Paulo Henrique Marques destacou o necessário planejamento para a competição tendo em vista que é um campeonato de outro nível. Citou dificuldades, uma vez que o orçamento do Rubro será reduzido, reiterando que isso implica numa folha salarial que representaria a metade do que fora investido para o campeonato gaúcho.

Sobre a participação do São Luiz no Gauchão, Paulo Henrique admitiu que como treinador do time, pode ter sido seu pior resultado, chegando em 9º na tabela com 13 pontos ganhos. Porém ressalvou o objetivo de manutenção do time de Ijuí na elite do futebol Gaúcho. “Foi um bom campeonato que fizemos, seguro e sem riscos, no entanto, marcamos poucos gols. A prova foi o jogo de hoje(contra o Aimoré) onde o São Luiz foi melhor, criando chances no ataque com conclusões que não conseguimos fazer. A gente fica triste, frustrado, por que poderíamos ter vencido o jogo, mas o gol saiu do lado errado”, lamentou. Sobre sua permanência no comando do São Luiz, ao ser indagado, Paulo Henrique disse que é questão inerente a vontade da diretoria do Rubro. “Vai depender da vontade da diretoria”, frisou.

O gerente de futebol Delmar Blatt disse que a comissão técnica e diretoria vão se reunir nesta segunda-feira(14), para discutir questões que envolvem a organização da participação do São Luiz na competição nacional e não adiantou informações sobre tratativas com jogadores.

O São Luiz, está no grupo A-8 da Série D, junto com o Caxias, Aimoré, Juventus-SC, Marcílio Dias-SC, Própera-SC, Cascavél-PR e o Azuriz-PR. A estreia acontece no dia 17 de abril fora de casa em Santa Catarina.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019