Ijuí/RS - Terça-feira, 05 de Julho de 2022
Manchetes
Prefeitos da região vão a Brasília pela compensação de valores devido a redução de impostos promovida pelo governo Federal
CNM aponta impacto imediato nas receitas municipais de R$ 73 milhões devido a redução do ICMS
Programa em parceria com a prefeitura busca selecionar famílias para receber crianças em suas casas
Óbito de número 300 por Covid-19 foi registrado em Ijuí
Daniel Franco deixa o comando técnico do São Luiz
8° Edição da Expocelb é lançada em Coronel Barros
Novos ritos na Seplan aceleram processos em prol do desenvolvimento
PC apreende 4kg de Cocaína e 1kg de Crack durante abordagem a veículo
Inadimplência de consumidores do Demei ultrapassa R$ 12 milhões
Municipal de Futsal conhece seus campeões
Ijuí-RS
O tempo agora
4 de abril de 2022

Definidos os locais e datas das provas de processo seletivo para o Censo do IBGE

Foto: IBGE

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgou nesta segunda-feira os locais de prova do processo seletivo para trabalho temporário no Censo Demográfico 2022, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que ocorre neste domingo no Rio Grande do Sul. Os candidatos às vagas de recenseador farão a prova no período da manhã. Já os candidatos a agente censitário municipal e agente censitário supervisor realizarão o exame durante a tarde. O cartão de confirmação da inscrição com o local de prova está disponível para consulta no site da FGV.

Dos 1,1 milhão de inscritos para o processo seletivo, 621.228 tiveram a inscrição confirmada. O IBGE vai selecionar 206.891 servidores temporários para o Censo, sendo 183.021 para recenseador, 18.420 para agente censitário supervisor e 5.450 para agente censitário municipal. As vagas estão distribuídas em 5.297 municípios do país. Os gabaritos preliminares serão divulgados no dia seguinte a aplicação das provas, 11 de abril, no site da FGV. O resultado final está previsto para 20 de maio.

Os recenseadores do IBGE atuam diretamente na coleta das informações, entrevistando os moradores dos domicílios. Já o agente censitário municipal gerencia o trabalho do posto de coleta, enquanto o agente censitário supervisor, subordinado ao agente censitário municipal, tem como principal função orientar os recenseadores durante a execução dos trabalhos de campo.

O exame para recenseador será aplicado às 9h e terá três horas de duração. Os candidatos farão uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, com 50 questões, divididas em 10 questões de língua portuguesa, 10 de matemática, 5 questões sobre ética no serviço público e 25 de conhecimentos técnicos.

Já os candidatos a agente censitário municipal e agente censitário supervisor farão a prova às 14h30, tendo que responder a 60 questões. São 10 de língua portuguesa, 10 de raciocínio lógico quantitativo, 5 de ética no serviço público, 15 de noções de administração / situações gerenciais e 20 questões de conhecimentos técnicos.

Para ocupar as vagas de recenseador, o candidato precisa ter o ensino fundamental completo, com o profissional ganhando por produção. Já as vagas para agente censitário municipal e agente censitário supervisor, os candidatos precisam ter ensino médio completo. Os salários são de R$ 1.700 e R$ 2.100, respectivamente.

Fonte: Correio do Povo/Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019