Ijuí/RS - Sexta-feira, 01 de Julho de 2022
Manchetes
Estado atinge número de 60 mortes por dengue
Busnello apresenta ante projeto que prevê parcelamento de dívidas dos usuários do Demei
Leoveral de Oliveira é reconduzido à presidência da Associação dos Aposentados de Ijuí
Finais do Futsal Municipal terão transmissão da Rádio Repórter
Conclusão de obras da Corsan possibilita asfaltamento de trecho da rua Jorge Leopoldo Weber
Mais de duas toneladas de alimentos impróprios para consumo são apreendidas em operação em Ijuí
Associação Cultural Canto de Luz define nova diretoria
Sindilojas realiza workshop sobre a Lei de Proteção de Dados
Educação, prevenção e Inclusão. Proerd encerra ciclo de palestras na Apae de Ijuí
Homem acusado de furto mão grande e que estava foragido é preso pela BM
Ijuí-RS
O tempo agora
30 de maio de 2022

Defesa Civil emite alerta de inundação do rio Uruguai desde Iraí até Porto Lucena

A Defesa Civil emitiu um alerta para a cheia do rio Uruguai na região do Alto Uruguai. Conforme o comunicado emitido na tarde desta segunda-feira (30), o rio apresenta rápida elevação no trecho entre Iraí e Porto Lucena. O alerta tem vigência de 24 horas.

Em Barra do Guarita, as informações são de que a elevação do rio Uruguai atingiu nesta segunda-feira (30) pelo menos um bar que fica no porto da balsa, obrigando os proprietários a fazerem a remoção de móveis. A Rua Liberato Salzano está bloqueada próxima ao porto por conta da inundação.

O serviço de balsa entre Barra do Guarita-RS e Itapiranga-SC segue suspenso, mas embarcações menores continuam a travessia. A Defesa Civil de Itapiranga informou que, às 18h de ontem(30), o nível do rio Uruguai estava em 9,48 metros, aumento de três centímetros na última hora; a avaliação é que há tendência à estabilização.

As travessias de balsa de Porto Mauá para Alba Posse, na Argentina, estão suspensas desde a tarde deste domingo (29/05) devido à cheia do Rio Uruguai. No fim da tarde de ontem (30) o rio estava 11,3 metros acima do nível. A previsão do morador Vilson Wünckler, que monitora a subida do rio, é que deva atingir em torno de 13 metros na manhã desta terça-feira (31/05).

As águas alcançaram o prédio da Aduana da Receita Federal e alagaram algumas residências, bares e quiosques. A passagem das balsas será liberada apenas quando o nível da água baixar, pelo menos, para oito metros.

O rio Uruguai atingiu também algumas casas no Balneário Três Ilhas, em Crissiumal. Informações de moradores são de que pelo menos quatro casas já foram atingidas pela água, que também alcança o bar. Moradores e demais pessoas que possuem casas de veraneio no local se mobilizaram ao longo do dia na retirada de pertences.

Em Porto Soberbo, Tiradentes do Sul, a travessia de balsa segue suspensa e sem previsão de retomada. O rio não atinge residências da localidade e nem casas de veraneio na Prainha do Cascalho.

Fonte: Rádio Alto Uruguai/Rádio Colonial/Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019