Ijuí/RS - Domingo, 03 de Julho de 2022
Manchetes
Homem com mandado de prisão expedido pela comarca de Carazinho é preso em Ijui
Homem é preso por trafico de entorpecentes em Ijui
Uruguaio Lugano conhece a realidade do São Luiz
Brigada Militar prende homem por tráfico de entorpecentes
100º Dia Internacional do Cooperativismo acontece neste sábado
Conselheiros de Saúde integrantes do Comus são empossados
APAE promove neste sábado 2º festival do cachorro quente para angariar fundos
Compliance, ferramenta de prevenção contra ilicitudes, é realidade no HCI
UABI coordena eleição no São Geraldo no domingo. Presidente ressalta bom relacionamento com o Executivo
Escola Civico Militar completa um ano no IMEAB
Ijuí-RS
O tempo agora
5 de dezembro de 2019

Decepção com desempenho e vaga na pré-Libertadores

competência de Eduardo Coudet será colocada à prova mais cedo em 2020, no início da trajetória do técnico argentino no Beira-Rio. Na noite dessa quarta-feira (4), o Inter foi derrotado pelo São Paulo por 2 a 1 no Morumbi e não tem mais chance de terminar o Brasileirão no G-6. Assim, caso confirme a última vaga na pré-Libertadores, o time terá de encarar mata-mata já a partir de 5 de fevereiro, com menos de um mês de treinos.

pesar do resultado negativo no Morumbi, o Inter foi beneficiado pelo empate do Fortaleza com o Fluminense, no Maracanã, e poderá garantir a vaga na Libertadores sem entrar em campo. Para isso, basta que o Goiás não vença o Palmeiras, em Campinas, na noite desta quinta-feira (5).

 

O clima no vestiário colorado foi de desânimo após a derrota. A expectativa era vencer o São Paulo e, não apenas se garantir na fase preliminar, como ficar perto de um lugar direto nos grupos da Libertadores. Como ocorreu nas finais do Gauchão e da Copa do Brasil e nos confrontos com o Flamengo no torneio continental, o Inter fracassou em mais uma partida decisiva na temporada.

 

— Era uma final para nós. Queríamos fazer o resultado e não depender dos outros. Queríamos a vitória para conseguir a vaga direta, mas não fizemos um bom primeiro tempo. Mesmo tomando o gol, fizemos um segundo tempo melhor. Agora vamos pensar em terminar (o campeonato) da melhor forma — disse o lateral Uendel, que está fora da partida contra o Atlético-MG no domingo (8) por suspensão.

 

 

Ainda que o Goiás vença o Palmeiras, o Inter seguirá com uma condição favorável para ficar com a última vaga brasileira na Libertadores. Para isso, bastará vencer o Atlético-MG no domingo. A classificação como oitavo colocado no Brasileirão, de acordo com o diretor-executivo Rodrigo Caetano, não deverá ser motivo de comemoração para o clube.

Fonte: Correio Do Povo
voltar
© Copyright 2019