Ijuí/RS - Domingo, 20 de Junho de 2021
Manchetes
Estado recebe e distribui vacinas Coronavac nesta sexta-feira
SMED de Ijuí fez entrega de agasalhos a Secretaria de Desenvolvimento Social
Cerca de 30% da área da cultura de trigo na região de Ijuí já está implantada
Secretaria de Desenvolvimento Social de Ijuí e Gabinete da primeira dama realizam várias ações no município
Vereador Pompeo de Mattos avalia trabalhos no legislativo municipal e não descarta possibilidade de concorrer a deputado estadual
Presidente da AMUPLAM questiona modelo do sistema de ocupação hospitalar utilizado pelo estado durante a pandemia
Comitiva de Ijuí busca apoio da superintendência do DAER em Cruz Alta para revitalização da ERS 218
Conselho Municipal de Direitos da Pessoa Idosa está presente em 29 municípios da região de Ijuí
Ijuí registrou ontem 36 novos casos de covid-19
Casa familiar rural de Catuípe conclui semestre com aulas remotas
Ijuí-RS
O tempo agora
11 de junho de 2021

CRAS do Centro Social Urbano de Ijuí alerta sobre o dia da luta contra o trabalho infantil

Amanhã é o dia dedicado à luta contra o trabalho infantil, uma data importante que tem como objetivo maior diferenciar o que é exploração da dinâmica familiar, onde estão incluídas pequenas tarefas como varrer o pátio, arrumar a cama ou no caso do interior, onde alimentar ou dar água para as criações também é algo normal.

Quando a criança precisa executar tarefas pesadas durante o dia todo, ficando sem tempo para estudar ou brincar, isso é exploração, explicou a assistente social Marlize Weschenfelder, coordenadora do CRAS do Centro Social Urbano.

O uso das crianças em atividades relacionadas ao tráfico também é exploração, assim como a venda de artesanato indígena por crianças, fato que se verifica especialmente nos estacionamentos de mercados, disse ela, embora seja característica própria da tribo que é um povo itinerante.

Sobre os desafios impostos pela pandemia, a coordenadora do CRAS, lembrou que antes da pandemia, chegavam a ser atendidas até mil pessoas por mês. A demanda era muito grande, mas hoje está mais limitada, envolvendo um público diferenciado, formado por jardineiros, diaristas, músicos, transportadores escolares, dentre outros, que devido a crise, viram suas atividades prejudicadas.

Boa parte dessa gente ficou em situação muito delicada, explicou Marlize Weschenfelder, sendo necessário alcançar para muitas famílias até cestas básicas. Visitas domiciliares, seguem ocorrendo, embora com restrições, finalizou a coordenadora do CRAS.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019