Ijuí/RS - Sexta-feira, 01 de Julho de 2022
Manchetes
Estado atinge número de 60 mortes por dengue
Busnello apresenta ante projeto que prevê parcelamento de dívidas dos usuários do Demei
Leoveral de Oliveira é reconduzido à presidência da Associação dos Aposentados de Ijuí
Finais do Futsal Municipal terão transmissão da Rádio Repórter
Conclusão de obras da Corsan possibilita asfaltamento de trecho da rua Jorge Leopoldo Weber
Mais de duas toneladas de alimentos impróprios para consumo são apreendidas em operação em Ijuí
Associação Cultural Canto de Luz define nova diretoria
Sindilojas realiza workshop sobre a Lei de Proteção de Dados
Educação, prevenção e Inclusão. Proerd encerra ciclo de palestras na Apae de Ijuí
Homem acusado de furto mão grande e que estava foragido é preso pela BM
Ijuí-RS
O tempo agora
26 de maio de 2022

Centro de Triagem já fez mais de 2 mil atendimentos em maio. Número de pacientes mais que dobrou no CT

Foto: Arquivo RRI

A média de atendimentos diários no Centro de Triagem do município de Ijuí subiu de 70 para 180 consultas nas últimas duas semanas, informou ao jornalismo da Repórter nesta manhã o enfermeiro coordenador do CT, Francisco Korb. De acordo com ele, o aumento na procura pelos serviços fez com que o horário de atendimento a população fosse estendido para 12 horas por dia com disponibilização dos serviços de segunda a sexta-feira das 8h às 20h.

Nos últimos dias, além do crescimento no número de atendimentos, a realização de testes rápidos também aumentou com mais de 200 testes sendo realizados por dia, número que só neste mês de maio resulta em 2.300 testes de detecção da Covid-19 feitos na repartição de saúde pública. “Importante destacar que o Centro de Triagem atende a todos os pacientes que tenham sintomas respiratórios, não somente suspeitas de Covid, então qualquer paciente que esteja com sintomas, e acha que precisa de avaliação, medicações, pode acessar o serviço aqui no Centro”, destacou o coordenador

Francisco Korb pontua que os casos de Coronavírus hoje, estão em torno de 15% dos testes realizados, “então da para dizer que do total dos atendimentos, 15% é Covid, o restante, 85% na maioria dos atendimentos, são pacientes com gripe comum, resfriado, e também suspeitas de Influenza, Dengue, entre outras patologias respiratórias comuns de época, como sinusite, rinite, pacientes com exacerbação dos sintomas de asma, por exemplo”.  Estes casos são atendidos no CT, medicados e encaminhados para acompanhamento na unidade de saúde do bairro onde o paciente é referenciado.

Em razão do aumento dos atendimentos, há mais médicos atuando no serviço para dar conta de atender toda a população. Em dias de menor movimento são dois médicos atendendo, porém, nos últimos dias este número aumentou para 4 médicos. “E também há mais enfermeiros trabalhando para conseguirmos realizar todas as avaliações e testes rápidos”, lembra.

Korb frisa que a realidade do CT e também da UPA não é exclusiva de Ijuí e que em todo o Estado os serviços de saúde estão sobrecarregados, na maioria, por pacientes com sintomas respiratórios. Ele atribui o fato às mudanças de temperatura, reiterando que com a proximidade dos dias mais frios e o fato de não ter mais uso de máscaras, com cotidiano voltando ao normal, propicia maior circulação de qualquer vírus, seja Covid ou vírus comuns, o que dissemina a sintomatologia dos pacientes com mais rapidez. “Felizmente, todos os pacientes que acessam o serviço hoje não tem sintomas graves, são sintomas respiratórios leves, não tem mais aquela preocupação de piora, paciente chegando mal precisando ser encaminhado para UPA ou Hospital posteriormente como ocorria no começo do ano passado principalmente”, analisa.

Fonte: Rádio Repórter
voltar
© Copyright 2019