Notícias > Grêmio

03/07/2017
16:18

Contra Godoy Cruz, Grêmio tem chance de melhorar histórico contra argentinos

O Godoy Cruz tem apenas um confronto contra equipes brasileiras na Libertadores.

Tricolor vem de três eliminações em mata-matas para equipes do país vizinho na Libertadores

Adversário desta terça-feira, o Godoy Cruz será o oitavo clube argentino no caminho do Grêmio na história da Libertadores da América.

 

A equipe comandada por Renato Portaluppi tem a missão de tentar melhorar o histórico contra times do país vizinho.

 

 

 

Desde o famoso confronto com o Estudiantes em 1983 até o Rosario Central no ano passado, o Grêmio já fez 16 jogos contra argentinos na Libertadores.

 

O histórico não é favorável ao clube gaúcho, que soma quatro vitórias, seis empates e seis derrotas diante de adversários do país vizinho.

 

Além disso, o Tricolor vem de uma sequência de três eliminações em mata-matas para os “hermanos”.

 

 

Nas suas duas últimas participações na Libertadores, o Grêmio foi eliminado por times da Argentina.

 

No ano passado caiu para o Rosario Central com duas derrotas e em 2014 foi eliminado pelo San Lorenzo nos pênaltis.

 

Antes disso, o Tricolor tinha enfrentado o Boca Juniors na final de 2007, quando também acabou batido com duas derrotas.

 

 

A última vez que o Grêmio superou um clube da Argentina em mata-matas da Libertadores foi em 2002.

 

Na ocasião, a equipe treinada por Tite encantou o continente ao bater o River Plate por 2 a 1 em Buenos Aires e aplicar uma histórica goleada de 4 a 0 no Olímpico.

 

Adversário de menor tradição

 

 

Diferente dos adversário anteriores, como os grandes Boca, River e San Lorenzo ou até mesmo o tradicional Rosario Central, o Godoy Cruz é um time de tradição pequena na Libertadores.

 

O clube de Mendoza chega pela primeira vez a fase de oitavas de final da competição.

 

 

Essa é apenas a terceira participação do Godoy Cruz na Libertadores.

 

Nas outras, em 2011 e 2012, o clube caiu ainda na fase de grupos.

 

O Godoy Cruz tem apenas um confronto contra equipes brasileiras na Libertadores.

 

Na fase de grupos deste ano, encarou o Atlético-MG, quando empatou em Mendoza e depois foi derrotado por 4 a 1 em Belo Horizonte em partidas que utilizou uma equipe reserva.

 

Confira os confrontos do Grêmio contra argentinos na Libertadores

 

1983

Grêmio 2 x1 Estudiantes

 

Estudiantes 3×3 Grêmio

 

1984

Grêmio 0×1 Independiente

 

Independiente 0×0 Grêmio

 

2002

River Plate 1×2 Grêmio

 

Grêmio 4×0 River Plate

 

2007

Boca Juniors 3×0 Grêmio

 

Grêmio 0×2 Boca Juniors

 

2014

Grêmio 0×0 Newell’s Old Boys

 

Newell’s Old Boys 1×1 Grêmio

 

San Lorenzo 1×0 Grêmio

 

Grêmio (2)1×0(4) San Lorenzo

 

2016

Grêmio 1×1 San Lorenzo

 

San Lorenzo 1×1 Grêmio

 

Grêmio 0 x 1 Rosario Central

 

Rosario Central 3 x 0 Grêmio

 

16 jogos

4 vitórias

 

6 empates

 

6 derrotas


Fonte: correio povo

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.