Notícias > Dupla Grenal

21/08/2015
13:58

Inter vence o Ituano por 2 a 0 e larga em vantagem nas oitavas

Foto: CP / Reprodução

O Inter venceu o Ituano, por 2 a 0, na estreia do técnico Argel Fucks no estádio Beira-Rio. Vitinho marcou o primeiro e deu o passe para o de Valdívia dois minutos depois. Com o resultado, o Colorado classifica para as quartas de final da Copa do Brasil com qualquer vitória ou empate. Derrota por 1 a 0 também coloca os gaúchos na próxima fase. Com o mesmo placar, a decisão será nos pênaltis. 

 

A partida de volta ocorre na próxima quinta-feira, às 20h, no estádio Novelli Júnior, em Itu. Antes, o time alvirrubro volta à concentração para o Campeonato Brasileiro. No domingo, às 16h, o Colorado recebe no Beira-Rio o Atlético-PR.

 

Inter larga na frente nos primeiros minutos

 

O Inter começou o jogo estudando o adversário, trocando passes e esperando os espaços para atacar o Ituano. A primeira oportunidade do jogo aconteceu em um lance de bola parada. Aos nove minutos, após escanteio, Paulão subiu mais alto que os marcadores e cabeceou. O goleiro Fábio fez defesa segura. 

 

O que era estudo, entretanto, logo se transformou em pressão e, aos 14 minutos, o Inter abriu o placar com Vitinho. O atacante dividiu com um adversário, driblou um marcador e arriscou um chute de fora da área, a bola desviou no zagueiro Léo e encobriu Fábio. Dois minutos depois, camisa 1 passou a bola para Ewerton, Sasha dividiu com o jogador, Vitinho ficou com a bola e passou para Valdívia. O atacante invadiu a área e chutou no canto esquerdo para anotar o 2 a 0. 

 

No restante do primeiro tempo, o Colorado optou por aguardar o adversário no seu campo defensivo para contra-atacar em velocidade. Com isso, o Ituano teve posse de bola, mas pouco criou contra a meta de Alisson. Oportunidades só ocorreram nos minutos finais. Aos 41, João Paulo cobrou falta próximo a lateral direita, Claudinho desviou de cabeça e Alisson fez fácil defesa. Dois minutos depois, após cruzamento da direita de ataque, Léo cabeceou sobre a meta do Inter. 

 

Inter cria oportunidades, mas não amplia o resultado

 

Logo no início do segundo tempo, o clube paulista criou uma boa chance diminuir a diferença no placar. Dick chutou próximo a linha de fundo e obrigou Alisson a empurrar a bola pela linha de fundo. Porém, rapidamente o Inter reagiu e criou boa oportunidade para ampliar: D'Alessandro fez excelente lançamento entre a defesa, Valdívia recebeu, invadiu a área, chutou e a bola explodiu no poste superior de Fábio.

 

Após esse lance, o Inter passou a ter maior domínio da posse de bola e pressionar o Ituano. Aos 15, William cruzou da direita, Zé Mário passou para Vitinho, que girou e bateu forte, mas a bola subiu e passou próximo ao travessão de Fábio. Aos 33, por pouco o Colorado não ampliou. Vitinho recebeu passe de D'Alessandro e arriscou da esquerda de ataque. A bola ainda bateu no poste esquerdo do goleiro Fábio no que seria um golaço. 

 

O Inter seguiu insistindo. Aos 43 minutos, Lisandro deu um passe espetacular para Alex, colocando o pé embaixo da bola e tocando ela por cima da cabeça do marcar. O meia chutou de primeira, mas a bola passou rente ao poste direito de Fábio. 

 

Copa do Brasil 2015 - Oitavas de Final 

 

Inter 2
Alisson; William, Paulão, Ernando e Geferson (Zé Mário); Rodrigo Dourado, Nilton, Valdívia (Lisandro López) e D’Alessandro; Eduardo Sasha (Alex) e Vitinho. Técnico: Argel Fucks. 


 

Ituano 0
Fábio; Dick, Naylhor, Leo e João Paulo; Jonatan Lima, Ewerton (Gercimar), Cristian e Claudinho; Marcão (Bassani) e Zambi (Guilherme). Técnico: Tarcísio Pugliese.


 

Gols: Vitinho (14min/1ºT) e Valdívia (16min/1ºT).
Cartões amarelos: Vitinho e Geferson (In) e Bassani, Dick, Marcão e João Paulo (It).
Público total: 27.349
Renda: R$ 340.490,00
Local: Beira-Rio.
Árbitro: Elmo da Cunha (GO).
Auxiliares: Márcio Eustáquio Santiago (MG) e Daniel Henrique da Silva Andrade (DF).


Fonte: CP

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.