Notícias > Geral

28/08/2018
16:41

Emater Ijuí retrata prejuízos causados nas culturas de inverno pela geada

Crédito: Reprodução/Internet

Ainda não é possível dimensionar o tamanho do prejuízo causado pelo frio intenso do final de semana nas culturas de inverno. Até então, havia projeção de uma grande safra, porém, a geada pode ter deixado sequelas nas três principais culturas, trigo, canola e aveia, presume o técnico agrícola da Emater de Ijuí, Edwin Bernich.

 

 

A fase é um tanto delicada, disse ele, referindo-se ao estágio atual das plantas, citando a aveia em processo de formação de grãos, o trigo em fase de formação de espiga e a canola em floração. O frio ao nível de solo é mais baixo, porém uma leitura sobre danos só poderá ser feita com melhor precisão a partir das próximas chuvas, estima Bernich.

 

 

No município de Ijuí foram semeados oito mil hectares com trigo, seis mil com aveia e 450 hectares de canola. Não houve manifestação de pragas, apenas o aparecimento de oídio e ferrugem em algumas lavouras. Quanto ao milho, a Emater projeta o plantio de 5.500 hectares, com produtores já tendo semeado cerca de 500 hectares. A geada de domingo pode ter provocado queima de folhas do milho, não estando descartada a necessidade de replantio, caso a chuva prevista para os próximos dias não reverta o prejuízo.

 

 

O técnico agrícola projetou em 40 mil hectares o tamanho da lavoura com soja, além da disposição dos produtores em promover investimentos maiores em tecnologia. O objetivo é produzir mais a fim de fazer frente aos custos que a cultura de verão exige. A expectativa de produção é muito boa, devido a perspectiva de El Niño que garante chuva acima da média para todo o ciclo, resume Edwin Bernich.


Fonte: Redação.

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.