Notícias > Economia

13/04/2018
07:19

Empresa de Ijuí comercializa equipamentos para o Japão

O prefeito Valdir Heck, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Antonio Carlos Frizzo Tambara, além do  produtor cultural da União das Etnias, Francisco Roloff, acompanharam na tarde desta quinta-feira, 12, o  a visita dos empresários japoneses Hitoshi Maeda e Keizo Takeo, que estiveram em Ijuí, para conhecer a sede da empresa que já há algum tempo fornece equipamentos para empreendedores daquele país.

 

Agora, por exemplo, eles fecharam contrato com vistas ao fornecimento de um conjunto de peças composto por turbina Kaplan, Válvula Borboleta, Gerador Assíncro 700KW, unidade hidrelétrica e regulador de velocidade. Durante o encontro, o prefeito Valdir Heck entregou a cada um dos empresários japoneses um kit de Ijuí, com miniaturas do Imigrante e da bandeira do município. 

 

Destacou que o município está diante de um momento singular, porque os empresários do Japão vieram verificar in loco a capacidade tecnológica, a capacidade produtiva dos industriais brasileiros e, no caso da energia, especialmente em Ijuí, porque aqui há a Hidroenergia que está exportando tecnologia e equipamentos da área para outros países.

 

O diretor da Hidroenergia, Marcos Kieling, juntamente com o engenheiro mecânico Gabriel Kieling Frohlich, que serviu de interprete aos empresários,  e o engenheiro civil Rafael Machado Kieling, concederam as explicações técnicas aos visitantes e também aos veículos de comunicação que acompanharam a visita.

 

A Hidroenergia é uma empresa de engenharia e automação 100% brasileira, com sede em Ijuí, tornou-se numa das principais especialistas na construção de usinas completas, isso é,sua equipe técnica está apta a construir usinas completas, ou seja, do projeto ao último parafuso, desenvolvimento a tecnologia de cada turbina, cada regulador, cada gerador, tecnologia já exportada para diversos países. Entre eles, o Japão, país dos dois empresários que vieram a Ijuí conhecer a empresa.

 

A avaliação do engenheiro Takeo foi positiva. De acordo com ele, essa visita permitiu conferir a qualidade dos equipamos produzidos pela Hidroenergia. Ele também destacou a alta tecnologia empregada nos processos de construção equipamos. “Agora podemos atestar a qualidade dos produtos fornecidos pela empresa brasileira em nosso país”, disse.

 

De acordo com Marcos Kieling, além do Japão, a Hidroenergia exporta para outros países, entre os quais podem ser destacados o Canadá, Equador e a Guatemala e que a empresa, também, está em processo de construção de equipamentos para estados brasileiros como Minas Gerais e São Paulo, entre outros.


Fonte: Redação/Imprensa da Prefeitura

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.