Notícias > Saúde

16/03/2018
08:27

Augusto Pestana em alerta contra o Aedes Aegypti

A Secretaria Municipal de Saúde e Departamento de Meio Ambiente de Augusto Pestana realizam trabalho específico para o controle na proliferação do mosquito Aedes aegypti.

 

Na última semana foi realizada uma reunião entre Departamento de Meio Ambiente e agentes epidemiológicas com o objetivo de pontuar algumas ações que devem ser desenvolvidas nos próximos dias, dentre elas a notificação aos proprietários de terrenos que não estão recebendo manutenção e limpeza.

 

Já na terça-feira uma nova ação foi realizada, desta vez junto às escolas do município com a conscientização dos alunos para o cuidado que devem ter com a proliferação do mosquito.

 

Falando na Rádio Repórter o prefeito Vilmar Zimermann disse que o município já está com um índice de infestação de 7,9, quando a partir de 3,0 já é considerado de risco de epidemia. Ele frisou que em 2015, quando o município também estava com os índices de infestação altos houve um surto de Dengue, citando que ele memso foi vítima dessa doença.

 

Destacou que já manteve contato com o 27º GAC de Ijuí para auxiliar no trabalho de orientação à população de Augusto Pestana. Com isso ele lembra que o município está em alerta, a fim de evitar a proliferação do mosquito.

 

Zimermann observou ainda que na última semana foi realizada uma reunião entre Administração e Emater para definir algumas diretrizes de trabalho para assessoramento de propriedades do interior.

 

A pauta foi levantada após a divulgação da dados referentes ao preço pago atualmente pelo litro de leite em Augusto Pestana. O levantamento apontou que somente com a baixa do preço nos últimos seis meses tem deixado de circular 1,7 milhão mensalmente no município.

 

Com isso a Secretaria de Agricultura e Emater vão colocar em prática um projeto de Assistência Técnica e Acompanhamento de propriedades rurais. Além da melhora na gestão, será dado auxílio no manejo da propriedade, correção do solo, rotação de cultura e calçamento e encascalhamento nas proximidades dos estábulos.

 

Para colocar o projeto em prática será feito inicialmente um levantamento das propriedades com potencial, onde destas serão escolhidas cerca de 20 a 30 propriedades para prestar assistência. Posteriormente será feita coleta de dados de cada propriedade, onde após várias ações de acompanhamento e assessoramento serão coletados novamente os dados de produtividade e feito um comparativo de resultados ao final deste ano.


Fonte: Redação/Prefeitura Augusto Pestana

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.