Notícias > Saúde

31/01/2018
14:23

Em Ijuí, vacinação contra a febre amarela é dose única

Crédito: Site Prefeitura de Ijui.

Devido aos números de casos de febre amarela no Brasil, mais precisamente no Sudeste do país, fez com que a população ijuiense buscasse, imediatamente, a vacinação contra a doença. Ocasionando, consequentemente, um congestionamento nas salas de vacinas, nos 13 postos de abrangência municipal.

 

A coordenadora do Programa de Imunizações da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), enfermeira Salester Ruver, explica que o município não é área de risco, por isso não é necessária à procura imediata para receber a dose. “Orientamos a população que os casos de maior preocupação são para quem ainda não tenha recebido a dose, e pretende viajar para os estados onde há registros da doença”, salienta. Atualmente, os estados com registros de casos da febre amarela são: São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e Minas Gerais.

 

Para aqueles que não se lembram de ter tomado a vacina, a enfermeira orienta que os mesmos devem analisar sua carteira de vacinação, e, na ausência dela, devem procurar a sua respectiva unidade de saúde para verificar o registro da dose. “As pessoas que já foram vacinadas em anos anteriores não precisam realizar a revacinação”, destaca Salester.

 

Em Ijuí, vacinação contra a febre amarela é dose única

As vacinações contra a febre amarela ocorrem somente às quintas-feiras, com atendimento das 7h30 às 11h e das 13h30 às 16h30 e no Centro Municipal de Saúde das 7h30 às 11h15 e no período da tarde das 13h30 às 16h45. “Gestantes, idosos, pessoas em quimioterapia e em determinados tratamentos de saúde, mulheres amamentando crianças menores de seis meses e imunodeprimidos não podem receber a vacina por causa dos riscos de reações graves”, afirma a enfermeira.

 

 

A definição de um único dia para a imunização, segundo a coordenadora, justifica-se porque cada frasco de vacina contém dez doses e todas devem ser utilizadas num prazo de até seis horas a contar da primeira aplicação.

A dose é aplicada nas seguintes salas de vacinas: Centro Municipal de Saúde, Penha, Thomé de Souza, Pindorama, Centro Social Urbano (CSU), Getúlio Vargas, Luiz Fogliatto, Tancredo Neves, Glória, Assis Brasil, Modelo, Jardim e Estratégia Saúde da Família (ESF) do Meio Rural.

 

DOSE ÚNICA – É importante lembrar que quem já tomou a vacina ao longo da vida não precisa repetir a dose. Desde abril de 2017, o Brasil adota o esquema da dose única, recomendado desde 2014 pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Estudos comprovaram que uma dose é suficiente para proteger durante toda a vida.


Fonte: Site Prefeitura de Ijuí.

BUSCA NO SITE

Um valor é necessário.